Início PAGINA INICIAL POLÍTICA Nove Moçambicanos condenados a prisão PERPÉTUA na RAS e o Governo esta...

Nove Moçambicanos condenados a prisão PERPÉTUA na RAS e o Governo esta mais preocupado com Manuel Chang

66
0
COMPARTILHE

Um tribunal de Joanesburgo, na República da África do Sul, RAS, condenou a 75 anos de prisão, ou seja, a perpétua, 9 cidadãos moçambicanos, acusados de diversos crimes.

Os condenados são tidos como uma ‘gang’ que aterrorizava o interior de Soweto, com acções de assaltos, estupro e assassinatos de suas vítimas.

O Cotidiano soube que a longa sentença aos condenados, foi proferida na última quarta-feira (29.01).

O SILÊNCIO DAS AUTORIDADES MOÇAMBICANAS

Quando Manuel Chang foi detido na África do Sul, o Governo moçambicano encetou diligências a todo custo para que o antigo ministro fosse extraditado ao país, uma luta que ainda prevalece. Entretanto, este caso da condenação dos nove moçambicanos prova que o interesse com Chang era ‘absurdo’.

Até ao momento, o Governo, pelo menos através da embaixada de Moçambique na África do Sul, não se pronunciou. Ninguém fala nada, mas em breve quando o assunto for Chang, todas as atenções serão dadas à terra do Rand. Asquerosa acepção!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here