COMPARTILHE

Cristiano Ronaldo abriu o coração numa entrevista inédita à TVI, conduzida pelo jornalista Joaquim Sousa Martins. Um dos temas de grande destaque foram as acusações de abuso sexual que sofreu de Kathryn Mayorga, em outubro do ano passado, e que ‘assombraram’ a vida mediática do jogador durante largos meses.

Dado o desfecho do caso, do qual se deu como inocente, Ronaldo desabafou quanto ao sofrimento que a polémica causou.

“2018 foi provavelmente o ano mais difícil para mim em termos pessoais. Quando as pessoas põem em causa a tua honra, dói. Principalmente eu, que tenho uma família grande, tenho uma senhora, tenho um filho de nove anos”, começou por dizer.

“Foi possivelmente o ano mais difícil para mim. É um caso que não me sinto confortável em falar. Mas graças a Deus foi provado – todas as pessoas que gostavam de mim sabiam que era inocente – que eu era inocente e confirmou-se. Deixa-me orgulhoso. Mas se pensares friamente foi muito duro”, rematou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here